Jogos Paralímpicos de Tóquio encerram com recorde de ouros para o Brasil — Português (Brasil)

blank

Ao conquistar a última medalha do Brasil nos Jogos Paralímpicos de Tóquio, uma prata, o maratonista Alex Douglas encerrou a melhor campanha do país em paralimpíadas. Os atletas brasileiros alcançaram 72 medalhas. Dessas, 68 foram de integrantes do Bolsa Atleta, programa de patrocínio individual do Governo Federal. Um deles é Alex Douglas, que tem o Bolsa Pódio, a principal categoria do programa.

O Brasil ainda teve recorde de ouros, com 22 medalhas, superando as 21 dos jogos de Londres 2012, além de 20 pratas e 30 bronzes. O país encerrou os jogos na sétima colocação do ranking mundial. Foi em Tóquio que o Brasil chegou a sua 100ª medalha de ouro na história dos Jogos Paralímpicos.

“O Programa Bolsa Atleta é fundamental para o desenvolvimento do esporte brasileiro. Se não fosse pelo Bolsa Atleta, os resultados seriam outros. O Bolsa Atleta tem uma importância muito grande para o que estamos vendo hoje e no que vimos em campeonatos anteriores porque é ele que oferece condições para que o atleta possa se desenvolver”, disse o presidente do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), Mizael Conrado.

Das 22 medalhas de ouro obtidas, 20 delas foram alcançadas por esportistas do Bolsa Atleta, sendo 18 de integrantes da categoria Pódio. E das 20 medalhas de prata, 18 são de integrantes do Bolsa Atleta, assim como 100% dos 30 bronzes obtidos.

“O Bolsa Pódio faz muita diferença, ainda mais nesse ciclo que tivemos a pandemia, com tanta incerteza, com tanta coisa reduzida. Então, sou muito grata ao programa por não ter parado e dado essa estrutura para a gente chegar até aqui”, disse Alana Maldonado, medalha de ouro no judô na categoria até 70 quilos da classe B2, que recebe o Bolsa Pódio.

Em número total de pódios, os 72 de Tóquio igualaram a marca alcançada no Rio 2016. As medalhas foram obtidas em 14 modalidades das 20 em que o Brasil teve atletas inscritos.

Natação e atletismo em destaque

O atletismo foi a modalidade que mais garantiu medalhas ao Brasil em Tóquio. Foram 28, sendo 8 de ouro, 9 de prata e 11 de bronze. A natação obteve o seu melhor desempenho em toda a história dos jogos, com 23 medalhas, 8 delas de ouro, 5 de prata e 10 de bronze.

No atletismo, 65 esportistas estiveram na disputa por medalhas nos Jogos Paralímpicos. Desses, 64 fazem parte do Bolsa Atleta. E responde pelo maior repasse no ciclo Rio-Tóquio, com R$ 30,9 milhões.

Dos 36 convocados para a seleção brasileira de natação paralímpica em Tóquio, 32 são contemplados pelo Bolsa Atleta. O investimento nesse grupo, no ciclo entre os Jogos Rio 2016 e Tóquio 2021, foi de R$ 12,9 milhões. Dos 32 bolsistas, 29 integram a categoria Pódio, a principal do programa.

A nadadora Carol Santiago, da classe S12, foi o grande nome brasileiro no Centro Aquático de Tóquio com cinco medalhas. Integrante do Bolsa Pódio, ela garantiu quatro medalhas individuais, três de ouro e uma de bronze, e uma prata no revezamento 4x100m.

Resultados inéditos

Os Jogos de Tóquio trouxeram resultados nunca antes alcançados. A judoca Alana Maldonado, de 26 anos, recebe o Bolsa Pódio e foi a primeira mulher brasileira da modalidade a subir no lugar mais alto do pódio em uma edição de Jogos Paralímpicos.

Outro resultado inédito foi o primeiro ouro da história do halterofilismo em paralimpíadas. A responsável pelo feito foi a integrante do Bolsa Pódio, Mariana D’Andrea, que levantou 137 kg na disputa entre atletas da categoria até 73kg.

Mais um deles foi a primeira medalha do Brasil da história do parataekwondo em Jogos Paralímpicos. E foi um ouro com Nathan Torquato, da classe K44 até 61kg, atleta que integra o Bolsa Pódio.

Bolsa Atleta

Também garantiram medalhas nos Jogos Paralímpicos de Tóquio a atleta mais jovem que integra o Bolsa Atleta, Jardênia Barbosa, de 17 anos, e a atleta mais experiente contemplada pelo programa, Beth Gomes, de 56 anos.

Jardênia está na segunda bolsa do programa e conquistou a medalha de bronze no atletismo, nos 400m da classe T20. Já Beth, do atletismo, recebe o Bolsa Atleta desde 2007 e obteve a medalha de ouro no lançamento de disco da classe F53.

Investimento no esporte

O Brasil competiu em Tóquio com a maior delegação em Jogos Paralímpicos no exterior. Foram 259 atletas, incluindo atletas-guia, calheiros, goleiros e timoneiro. Desse total, 236 são atletas titulares, dos quais 226 (95,7%) integram o Bolsa Atleta.

A delegação brasileira viajou ao Japão respaldada por um investimento de R$ 117 milhões do Governo Federal via Bolsa Atleta. Esse é o valor repassado historicamente, desde 2005, aos 226 esportistas do grupo que integram o programa. Só no ciclo entre os Jogos Rio 2016 e Tóquio 2021, são R$ 75 milhões investidos diretamente nos integrantes do elenco nacional. Em 15 das 20 modalidades em que o Brasil teve representantes, 100% dos atletas integram o programa.

 

Ouro

Futebol de 5 masculino

Goalball masculino

Atletismo
Alessandro Rodrigo – atletismo, lançamento disco da classe F11. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Beth Gomes – atletismo, lançamento de disco da classe F53. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Claudiney Batista – atletismo, lançamento de disco da classe F56. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Petrucio Ferreira – atletismo, 100m da classe T47. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Wallace dos Santos – atletismo, arremesso de peso da classe F55. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Yeltsin Jacques – atletismo, 1.500m da classe T11. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Yeltsin Jacques – atletismo, 5000m da classe T11. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Silvânia Costa – atletismo, salto em distância da classe T11.

Alterofilismo
Mariana D’Andrea – halterofilismo, levantamento de peso na categoria até 73 quilos. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.

Canoagem
Fernando Rufino – canoagem, 200m da classe VL2. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.

Judô
Alana Maldonado – judô, na categoria até 70 quilos da classe B2. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.

Natação
Gabriel Araújo – natação, 200m livre da classe S2. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Gabriel Araújo – natação, 50m costas da classe S2. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Gabriel Bandeira – natação, 100m borboleta da classe S14.
Wendell Belarmino – natação, 50m livre da classe S11. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Maria Carolina Santiago – natação, 50m livre da classe S1. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Maria Carolina Santiago – natação, 100m livre da classe S12. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Maria Carolina Santiago – natação, 100m peito da classe 12. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Talisson Glock – natação, 400m livre da classe S6. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.

Taekwondo
Nathan Torquato – parataekwondo, classe K44 até 61kg. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.

Prata

Atletismo
Alessandro Rodrigo da Silva – atletismo, arremesso de peso da classe F11. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Alex Pires – atletismo maratona da classe T46. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Marivana Nóbrega – atletismo, arremesso de peso da classe F35. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Marco Aurélio Borges – atletismo, arremesso de peso da classe F57. Recebe o Bolsa Atleta na categoria Nacional.
Raíssa Rocha Machado – atletismo, lançamento de dardo da classe F56. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Thalita Simplício – atletismo, 400m da classe T11. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Thalita Simplício – atletismo, 200m da classe T11. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Thomaz Moraes – atletismo, 400m da classe T47. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Vinícius Rodrigues – atletismo, 100 metros da classe T63. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.

Canoagem
Luis Cardoso – paracanoagem, no caiaque KL1 200m. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Giovane Vieira – paracanoagem 200m da classe VL3. Recebe o Bolsa Atleta na categoria Internacional.

Hipismo
Rodolpho Riskalla – hipismo de adestramento. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.

Natação
Cecília Araújo – natação, prata nos 50m livre da classe S8. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Gabriel Araújo – natação, 100m costas da classe S2. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Gabriel Bandeira – natação, 200m livre da classe S14.
Gabriel Bandeira – natação, 200m medley da classe SM14
Equipe de natação – Revezamento 4x100m livre misto para deficientes visuais. Atletas participantes: Maria Carolina Santiago (Bolsa Pódio), Wendell Belarmino (Bolsa Pódio), Douglas Matera (Bolsa Internacional) e Lucilene Sousa.

Tênis de Mesa
Bruna Alexandre – tênis de mesa da classe 10. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.

Taekwondo
Débora Menezes – parataekwondo, acima de 58kg da classe K44. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.

Esgrima em caderia de rodas
Jovane Guissone – esgrima em cadeira de rodas, na espada individual, pela categoria B. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.

Bronze

Vôlei sentado feminino

Atletismo
Cícero Valdiran Lins Nobre – atletismo, lançamento de dardo da classe F57. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Jardênia Felix – atletismo, nos 400m da classe T20. Recebe o Bolsa Internacional do Governo Federal.
Jerusa Geber – atletismo, 200m da classe T11. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
João Victor Teixeira – atletismo, arremesso de peso da classe F37. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal
João Victor Teixeira – atletismo, lançamento de disco na classe F37. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Julyana da Silva – atletismo, lançamento de disco da classe F57. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Washington Junior – atletismo, 100m da classe T47. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Marco Aurélio Borges – atletismo, arremesso de peso da classe F57. Recebe o Bolsa Atleta na categoria Nacional.
Mateus Evangelista – atletismo, salto em distância pela classe T37. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Ricardo Gomes – atletismo, 200m da classe T37. Recebe o Bolsa Alteta na categoria Nacional.
Petrucio Ferreira – atletismo, 400m da classe T47. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Thiago Paulino – atletismo, no arremesso de peso da classe F57. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.

Bocha
Carlos Chagas -bocha, prova individual da classe BC1. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Maciel Santos – bocha, prova individual da classe BC2. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.

Judô
Lúcia Araújo – judô, na categoria até 57 quilos da classe B3. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Meg Emmerich – judô, na categoria até 70 quilos da classe B3. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.

Natação
Beatriz Carneiro – natação, 100 m peito da classe SB14.
Daniel Dias – natação, nos 100m livre da classe S5. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Daniel Dias – natação, nos 200m livre da classe S5. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Phelipe Rodrigues – natação, 50m livre da classe S10. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Maria Carolina Santiago – natação, 100m costas da classe S12. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Mariana Gesteira – natação, nos 100m livre da classe S9. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Talisson Glock – natação, 100m livre da classe S6. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Wendell Belarmino – natação, 100m borboleta da classe S11. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Equipe de natação: revezamento 4 x 50m livre misto Atletas participantes: Daniel Dias, Joana Neves, Talisson Glock, que recebem Bolsa Pódio e Patrícia Santos, que tem o Bolsa Atleta na categoria Paralímpica.
Equipe de natação: Equipe de natação: revezamento 4 x 100m da classe S14. Atletas participantes: nadadores Ana Karolina Soares (Bolsa Atleta Internacional), Debora Carneiro (Bolsa Pódio), Felipe Vila Real (Bolsa Atleta) e Gabriel Bandeira.

Remo
Renê Pereira – remo, prova do single skiff masculino da classe PR1. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.

Tênis de mesa
Cátia Oliveira – tênis de mesa pela classe 2. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.
Equipe de tênis de mesa feminino da classe 9 e 10: Daniele Rauen (Bolsa Pódio), Bruna Alexandre (Bolsa Pódio) e Jennyfer Parinos (Bolsa Pódio).

Taekwondo
Silvana Fernandes – parataekwondo, até 58kg da classe K44. Recebe o Bolsa Pódio do Governo Federal.

Fonte: Gov.br

Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do SaquaremaTV em seu e-mail, é de graça!