Governo Federal anuncia R$ 20 milhões para prevenção e controle de doenças cardiovasculares nas mulheres — Português (Brasil)

Author:

Category:

spot_img

O Governo Federal, por meio do  Ministério da Saúde, anunciou no sábado (14/05), o Dia Nacional da Conscientização das Doenças Cardiovasculares na Mulher, o investimento de mais de R$ 20 milhões para implementação de ações da Estratégia de Saúde Cardiovascular na Atenção Primária à Saúde (ECV) no Brasil. O anúncio foi feito durante evento técnico-científico promovido pela Pasta no Rio de Janeiro.

A liberação de recursos está em duas portarias. Uma é direcionada a municípios com população menor ou igual a 200 mil habitantes, no valor de R$ 16,8 milhões, e a outra é destinada a municípios com população acima de 200 mil habitantes, no valor de R$ 3,4 milhões.

Números registrados pelo Governo Federal e dados apresentados pelo estudo Global Burden of Disease (GBD), de 2019, apontam as doenças crônicas vasculares como a primeira causa de morte no Brasil. Paralelamente, dados do Datasus indicam que as mulheres representam a maioria da população brasileira e que são as principais usuárias do Sistema Único de Saúde (SUS).

Essas informações mostram, ainda, que 40% dessas mulheres têm entre 35 e 65 anos, faixa etária em que ocorre o climatério, estando, por isso, mais vulneráveis e com maior risco de adquirirem doenças cardiovasculares.

“O enfrentamento às doenças cardiovasculares é um trabalho que começa na atenção primária, e essa mobilização que o dia de hoje pede precisa alcançar também a sociedade, para que eles tenham mais informações quanto às doenças cardiovasculares e o que o SUS pode oferecer”, afirma o Secretário de Atenção Primária à Saúde, Raphael Câmara.

O investimento federal para prevenção e combate às doenças cardiovasculares poderá contemplar 482 municípios considerados elegíveis para o processo de adesão. Para obter o recurso, essas cidades deverão indicar as Unidades Básicas de Saúde (UBS) que atuarão em suas respectivas regiões como centros multiplicadores das ações da Estratégia de Saúde Cardiovascular na APS.

Para tal, estes estabelecimentos deverão comprovar ter equipe preparada e informatizada para o atendimento ao cidadão, conforme critérios estabelecidos em portaria.

Estratégia de Saúde Cardiovascular na Atenção Primária

A ECV foi lançada em outubro de 2021 pelo Governo Federal e orienta que os municípios avancem e implementem ações de promoção da saúde e prevenção de doenças cardiovasculares no âmbito da atenção primária; assim como em ações de educação em saúde e capacitação de profissionais e gestores; de qualificação no cuidado (com estímulo ao rastreamento, diagnóstico precoce e estratificação do risco cardiovascular) e de fortalecimento dos processos de gestão.

Para somar com o objetivo, os gestores contam, ainda, com materiais de apoio ofertados pelo Governo Federal, por meio do Ministério da Saúde, no site da APS e também com o instrutivo da Estratégia de Saúde Cardiovascular na Atenção Primária à Saúde direcionado a profissionais e gestores.

Com informações do Ministério da Saúde.

Saiba mais:

Banner

 

Fonte: Gov.br

Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do SaquaremaTV em seu e-mail, é de graça!

Read More

Related Articles

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

%d blogueiros gostam disto: