Ponte entre Tocantins e Pará vai beneficiar 500 mil pessoas e contribuir com o desenvolvimento da região — Português (Brasil)

blank

Futura ligação rodoviária entre Tocantins e Pará, a, construída sobre o Rio Araguaia, a ponte vai interligar as cidades de Xambioá, no estado de Tocantins, e São Geraldo do Araguaia, no Pará, e contribuir no desenvolvimento econômico de toda a região. Em viagem oficial ao Tocantins, nesta terça-feira (22/03), o Presidente Jair Bolsonaro fez uma visita técnica às obras.

Essa é uma antiga demanda da população dos dois estados que agora é atendida pelo Governo Federal. O custo estimado da obra é de R$ 193,1 milhões e, até o momento, foram executados R$ 94,5 milhões. Ao participar de cerimônia em Xambioá, o Presidente Jair Bolsonaro afirmou que essa é uma grande obra para a região.

A ponte vai ter 1,7 mil metros de extensão e será um importante eixo de interligação entre Tocantins e Pará, na BR-153/PA/TO. Quando concluída, a estrutura vai eliminar a necessidade de travessia por balsa, reduzindo o tempo de viagem e custos no transporte de cargas. Além de facilitar o escoamento da produção de bens e proporcionar melhores condições de trafegabilidade e segurança na região. A estimativa é que 500 mil pessoas sejam beneficiadas diretamente, de acordo com o Ministério da Infraestrutura.

A ligação vai permitir também acesso mais rápido à BR-010, fundamental para ligar a região Norte, em especial o sudeste do Pará, ao Centro-Sul do país.

As obras são de responsabilidade do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), vinculado ao Ministério da Infraestrutura. Até agora, já foram executados 73% das fundações e blocos das obras da ponte, 66% dos pilares e travessias e 22% das vigas e lajes.

Inserção social de crianças e adolescentes

Ainda no Tocantins, dessa vez em Porto Nacional, o Presidente Jair Bolsonaro participou do lançamento do programa DNA do Brasil Talentos para crianças e adolescentes tocantinenses. A ação é uma parceria entre o Governo Federal, por meio do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, e o Instituto para o Desenvolvimento da Criança e do Adolescente pela Cultura e Esporte (Idecace).

O programa DNA do Brasil Talentos é estruturado na identificação de talentos para o esporte e na vocação profissional, visando a inclusão social e a formação profissional de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade. Ao falar sobre o programa, o Presidente Jair Bolsonaro afirmou que a intenção de integrar e descobrir talentos é muito bem-vinda.

No Tocantins, o DNA do Brasil Talentos vai capacitar mais de 380 profissionais de educação física, gestores e diretores, além de realizar cerca de 190 palestras e eventos esportivos. Está prevista ainda a criação de um grupo de trabalho com a participação de representantes de indústrias, comércios, federações esportivas e clubes.

O programa tem como base o apoio aos estados brasileiros na inclusão social, formação de atletas, adequação e criação de infraestrutura esportiva, orientação vocacional, implantação de sistema de gestão de centros esportivos e disseminação das metodologias de atletas olímpicos.

Para a implementação das ações no Tocantins, serão destinados R$ 19,6 milhões, oriundos de emendas parlamentares da bancada do estado, de acordo com o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos.

Fonte: Gov.br

Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do SaquaremaTV em seu e-mail, é de graça!