Tecnologia 5g no agro, incentivo para o turismo brasileiro e ações de reforma agrária marcaram a semana — Português (Brasil)

blank

Inteligência artificial no campo com máquinas autônomas capazes de tomar decisões inteligentes. Essa é apenas uma das vantagens da chegada da tecnologia 5G para o agronegócio, ação que foi lançada pelo Governo Federal nesta semana. Além disso, a última semana de março também foi marcada pela entrega de mais de 2,6 mil títulos de propriedade rural a agricultores do Mato Grosso do Sul e pela abertura de crédito extraordinário de R$ 1,2 bilhão para agricultores afetados pela estiagem.

O mês de fevereiro mostrou resultados positivos e até recordes na geração de empregos e na arrecadação do Governo Federal. Confira os destaques da semana:

Mais tecnologia no agro com 5G

Nesta semana, o Governo Federal lançou a primeira fazenda 5G no Brasil. Com a tecnologia no campo, os produtores rurais poderão contar com inovações como tratores, colheitadeiras e outras máquinas automatizadas, além do uso de drones que captam e transmitem imagens com alta definição e precisão, garantindo mais eficiência para o dia a dia. O 5G no Agro vai proporcionar um ganho de produtividade de 20% a 30% para a agricultura.

Em cerimônia realizada na fazenda Ipê, na Baixa Grande do Ribeiro, sul do Piauí, o Governo Federal ainda realizou a entrega de computadores e de pontos de conexão gratuita à internet para 31 escolas piauienses.

Saiba mais

Mais de 2,6 mil títulos de terra a agricultores do MS

No último dia 29, o Governo Federal realizou a entrega de mais de 2,6 mil títulos de propriedade rural a agricultores que vivem no Mato Grosso do Sul, no Assentamento Itamarati. Na ocasião, o Governo anunciou, ainda, a concessão de 8.189 documentos de titulação – entre provisórios e definitivos – em 164 áreas de reforma agrária de 51 cidades do estado.

Durante o evento, o Presidente Jair Bolsonaro assinou dois decretos. O primeiro aprova o regulamento do Registro Nacional de Tratores e Máquinas Agrícolas (Renagro). O segundo institui o Plano Nacional de Regularização Ambiental de Imóveis Rurais e seu comitê gestor.

Saiba mais

Crédito de R$ 1,2 bilhão para agricultores afetados pela falta de chuvas

Os pequenos agricultores afetados com a falta de chuvas nos estados do Sul e no Mato Grosso do Sul agora contam com um crédito extraordinário, de R$ 1,2 bilhão, para a concessão de descontos em operações contratadas do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf).

A medida abrange as parcelas das dívidas vencidas e vincendas no período de 1º de janeiro até 31 de julho deste ano e beneficiará os produtores que estavam adimplentes até 31 de dezembro de 2021.

Saiba mais

Lançado programa para alavancar o turismo pelo Brasil

O turismo também foi destaque nesta semana. Agora, servidores públicos federais, aposentados e pensionistas do INSS ganharam mais um incentivo para viajar. Isso porque o Governo Federal, por meio do Ministério do Turismo e a Caixa, lançou o programa “+ Crédito + Turismo”, que proporciona maior facilidade de crédito e de parcelamento para pessoas físicas adquirirem serviços turísticos no Brasil. A iniciativa também contemplará os empreendedores do setor, já que a Caixa disponibilizará produtos e condições mais atrativas para alavancar negócios e fortalecer o turismo doméstico no país.

Saiba mais

Mais de 328 mil novas vagas de emprego

A semana ainda trouxe bons resultados na geração de emprego. Em fevereiro, o Brasil registrou 328.507 novos postos de trabalho com registro em carteira. É o segundo melhor resultado para o mês da série iniciada em 2010, perdendo apenas para fevereiro de 2021, quando o saldo foi de 397.915 postos. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados na última terça-feira (29/03) pelo Ministério do Trabalho e Previdência.

O setor de serviços foi o que mais registrou novas vagas no mês, foram 215.421 postos abertos. Em seguida vem a indústria (43 mil novas vagas), construção (39.453), agropecuária (17.415) e comércio (13.219).

Saiba mais

Arrecadação do Governo Federal bate recorde

De acordo com a Receita Federal, a arrecadação do Governo Federal no mês de fevereiro deste ano alcançou o melhor resultado real do período da série histórica, iniciada em 1995. O resultado foi de R$ 148,664 bilhões em fevereiro, alta real (já descontada a inflação) de 5,27% em comparação com o mesmo mês do ano passado. No acumulado do ano, a arrecadação também foi recorde, alcançando R$ 383,986 bilhões. 

Saiba mais

Fonte: Gov.br

Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do SaquaremaTV em seu e-mail, é de graça!